quarta-feira, 19 de abril de 2017

Fomos incríveis juntos

       "Dexter, eu te amo muito. Muito, muito, e provavelmente sempre amarei. Só que eu não gosto mais de você." (Um dia, David Nicholls)
       Aquela segunda-feira foi pra mim o dia mais feliz dos últimos meses.  Me senti transbordando vida, alegria, leveza. Meu coração batia no ritmo da música contagiante que tocava ao fundo. Os risos estavam fáceis e a vontade de dançar,  quase incontrolável.
 Fomos incríveis mais uma vez.
Somos incríveis juntos!
       A cumplicidade entre nós é evidente.  As gargalhadas,  inevitáveis.  Foi um dia de paz e tranquilidade, tudo o que eu mais quero viver em meus dias. Paz, tranquilidade e riso fácil.
        É difícil quando chegamos no momento em que essa frase da Emma faz sentido pra nós. Quando amamos alguém, mas deixamos de gostar dela e de suas atitudes. É difícil quando só você é o amigo da história, quando só você trabalha pra que isso dê certo.
       Chega o momento em que cansa se doar para os outros. A gente se cansa de não ser correspondido.  Um dia a gente sente que precisa dar adeus a um relacionamento em que não podemos ser nós mesmos, onde precisamos ficar podando nossas palavras e ações.
        Por medo de perder a amizade a gente acaba pisando no freio, só que nós nunca seremos nós mesmos se não seguirmos o nosso coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...