quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Férias 2016: Como conseguir um visto americano

Não, meu destino não fica nos Estados Unidos.
Então por que eu estou escrevendo sobre isso?
Porque eu tirei um visto americano. \o/ \o/ \o/ \o/

        Durante as pesquisas de passagens, analisando as diversas companhias aéreas, as diversas rotas pra chegar "lá", os diversos preços dessas passagens, cheguei a conclusão de que as passagens mais baratas eram as da empresa American Airlines. Bora comprar então? #SQN
        Todos os voos do Brasil para "lá" tinham uma conexão em algum aeroporto nos EUA e pra fazer essa conexão eu precisaria ter um visto de trânsito. Fui eu pesquisar sobre esse visto e descobri que ele custa o mesmo preço que o visto de turista, com a diferença que o visto de trânsito tem validade apenas para essa viagem, ou seja, financeiramente valia a pena já tentar um visto de turista.                        Procurei a Global Passaportes e Vistos aqui de São José dos Campos, uma empresa que me ajudou muito nesse processo de obtenção do visto, pois eu poderia fazer tudo sozinha, só que eu já estou com tarefas demais e com preguiça de tentar aprender mais uma coisa estressante. Contratei o serviço deles e foi ótimo. 
        Fui lá com os documentos e paguei as taxas (Taxa consular e a taxa dos serviços da Global). Eles preencheram a DS160  (a ficha que precisa ser preenchida para solicitar o visto), me orientaram acerca da entrevista no consulado, sobre a ida ao CASV para coleta de foto e digitais e agendaram, junto comigo, os dias que eu teria que comparecer nos dois locais. 
         Achei que valeu super a pena, pois meu trabalho foi só reunir os documentos necessários e ir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário